My trip to New York Part 2

10:09 Rafaela Marreiros 0 Comments


Hello Dress to Runners!
Como falei no post anterior que iria dividir o post sobre NYC em 2 essa é a segunda parte onde irei falar da High LineSt. Patrick’s Cathedral, Columbia University, Brooklyn Heights, Promenade e a Grand Central Station. Assim como no outro post dou dicas desses lugares bem como da minha visão de cada um.
Espero que gostem dos posts sobre NYC e fiquem ligados que irei postar mais dicas sobre os EUA. Então, se você estiver programando sua viagem ou já de malas prontas para viajar para os States, stay tuned no blog!
P.S. Para acompanhar todos os posts, você pode está assinando a nossa newsletter cadastrando seu email. Só clicar na barra à direita do blog!

Promenade, Brooklyn Heights.



Um dos lugares que mais gostei de conhecer foi a High Line. Na verdade, eu AMEI! É bem minha cara a atmosfera do lugar bem como sua arquitetura, é uma parte diferente de NYC. A High Line é uma antiga estação de trem que foi totalmente revitalizada e transformada em uma espécie de “parque suspenso” em plena concrete jungle. Compreende a Gansevoort Street no Meatpacking District até a West 34th Street, entre as avenidas 10th e 12thE por falar na Gansevoort street, eu amei o market de mesmo nome que fica nessa rua. O lugar me remeteu ao rústico e ao moderno ao mesmo tempo, tem vários lanchinhos naturais bem como pizza, tacos (uma pausa para essa Kombi super fofa) e autênticos gelatos italianos (até o atendente era italiano), super recomendo!
Dica: Não fiquei para o sunset (pôr do sol), mas me falaram que vale muito a pena conferir esse espetáculo da natureza, dizem que a visão é linda!! 






Você que gosta de graffiti assim como eu, vai adorar a High Line.
Olha essa Kombi!! Não é um jeito muito bacana e diferente de vender seu produto?! I love it!
Olha que bacana a praça de alimentação do Market, e esse gelato estava dos deuses.

O labirinto do Fauno da Columbia...hehe
Estudar nos EUA é um sonho para muita gente e imagina então estudar em uma das melhores universidades do país e que faz parte da IVY league, liga que reúne as melhores universidades dos EUA como Harvard e Yale, por exemplo. Tive a oportunidade de almoçar e conhecer o campus da Columbia University através da minha ex-aluna, Jaynne que está estudando engenharia elétrica pelo programa Ciências Sem Fronteiras. É muito lindo o campus e se você tiver a oportunidade de visitá-lo e ver como é estudar em uma universidade americana você com certeza irá se surpreender ao comparar com as universidades aqui no Brasil. É outra realidade!

A universidade te oferece tudo (também pelo tanto que você paga é o mínimo, né?!), de fitness center a bolsa de ajuda de custo (NYC é uma cidade Cara!). Se estiver passeando pela Broadway Avenue com a 116th street dá uma passada por lá, o metrô para na frente da universidade na estação de mesmo nome (Columbia University), desça e tenha uma autêntica experiência colegial americana. 


Curiosidade: Em época de final exams, justamente o fim do semestre americano, em meados de maio e dezembro, é muito fácil você encontrar gente madrugando nas bibliotecas das universidades. Sim, madrugando, pois lá as libraries (bibliotecas) ficam abertas 24hrs. Não é legal?! Se não tiver conseguindo estudar em casa você pode ir para a universidade e virar a noite estudando tranquilamente. 


St. Patrick’s Cathedral é um lugar à parte. Independente de religião, se você gosta de arquitetura, vale muito a pena ir. Eu amo arquitetura e encontrar uma igreja no estilo neogótico em plena 5th avenue dispensa comentários! O lugar é lindo como vocês podem conferir nas fotos e uma coisa que adorei foram os vitrais. Quando eu fui ainda estava em reforma faltando justamente a parte do altar para terminar. Uma curiosidade foi que na saída me deparei com uma tv com a mensagem “light up your virtual candle” algo do tipo “acenda sua vela virtual”, nunca tinha visto isso antes, fiquei surpresa que a tecnologia está influenciando até o jeito como você expressa sua fé. Welcome to the new world people!





Grand Central Station é uma das principais estações de metrô e trem nos EUA e a maior do mundo em número de plataformas (ao todo são 67 em dois andares). Para quem já assistiu Gossip Girl é a estação em que a Serena desce no episódio piloto da série. Cenário de muitos filmes, a Grand Central é enorme e linda também, lá você pode ir até o balcão de informações e pegar vários guias e mapas de NYC de graça. 


Dica: Pegue um mapa do Metrô de NYC ou faça o download no seu celular, mas eu preferi mesmo o mapa a moda antiga mesmo...hehe. Acredite, esse será seu guia e Life Saver para se locomover em NYC. Dizem que se você consegue se desenrolar nos metrôs de NYC você pode pegar metrô em qualquer cidade do mundo tranquilamente. Eu acho que me virei bem, não é difícil. Já estou pronta para desbravar os metrôs de outras capitais mundiais hahaha.


Ahhh o Brooklyn Heights...o que falar sobre ele?! Simplesmente amei esse bairro! Foi onde fiquei hospedada. Fiquei no apê da minha ex-aluna Jaynne que foi uma life saver pois economizei horrores com hotel. Pegando o metrô na 72th ou na 93th (Linha 2 ou 3) é a primeira estação depois de Wall Street, estação Clark Street, a primeira depois que sai de Manhattan. É um bairro residencial e considerado a parte nobre do Brooklyn. O que mais gostei de lá é que parece que você nem está em NYC, porque é mais tranquilo perto da natureza e mais residencial. 

Uma das partes que mais gostei foi o Promenade. Não é um ponto turístico como a Times por exemplo, você irá ver turistas é claro, mais é muito mais um programa nova iorquino, e isso é que é legal! Você se sente um “local” fazendo um programa que eles costumam fazer. O que queria ter feito, mas não deu, foi ter corrido naquela orla...=/ mas, haverão outras oportunidades. Além de você poder praticar uma atividade física, você irá ver muitas crianças brincando, pessoas pegando um sol, lendo um livro ou simplesmente apreciando o momento. 

Foi o primeiro lugar que visitei quando cheguei em NYC. Quase 1 hora da manhã nós descemos para o Promenade e foi aí que eu me apaixonei por essa Big Apple. 

É simplesmente LINDA à noite, e aí vai minha dica: quer ir em algum observatório como o Empire State Building ou Top of the Rock? Vá à noite, então! NYC é mais bonita à noite, pelo menos na minha percepção. Pena que não estava preparada com celular ou câmera nesse dia que fui no Promenade à noite, mas digo que vale a pena! E o mais bacana é que mesmo tardão tinha gente lá, ou sentado refletindo sobre a vida ou correndo em plena madruga....coisas que só NYC te proporciona. ;D




Os cachorros que você vê na rua são dignos de um comercial da Pedigree. Muito fofos.


Dica Bônus: Se resolver ir no Top of the Rock, que eu acho que é uma opção melhor que o Empire State Building por causa da sua visão da cidade. Compre o scheduled ticket (o ticket que você já tem o horário marcado de ir), eu comprei o unscheduled, ou seja, que não tem um horário fixo para ir, quando você chega lá é que você marca e eu não sabia desse detalhe. Infelizmente, a próxima sessão era às 9:30 da noite e isso era umas 3 horas da tarde quando fomos lá. Era meu último dia na cidade e meu voo sairia às 10:50 da noite, então não deu dessa vez. Mas, fica para próxima e em um horário à noite mesmo, pois NYC é linda at night.

0 comentários: